A importância da gratidão nas nossas vidas

Atualizado: 19 de nov. de 2021


Você já pensou que existe um equilíbrio entre dar e receber?


Você acredita nele?


Ou você já passou tanto tempo entregando sua energia, sua dedicação, seus esforços a algo e sentiu que não houve retorno e, portanto, não acredita bem nisso?


Talvez as nossas experiências neste planeta tenham ocultado a nossa compreensão de que tudo que é entregue por nós volta para nós. Essa é a lei da ação e reação e não existe erro nela. Pode ser que não tenhamos recebido de volta o que desejávamos ou esperávamos, mas algo retornou para nós.


E esse algo está muito mais relacionado à forma que vibramos durante a nossa entrega do que o que realmente fizemos.


É por isso que a GRATIDÃO é um dos sentimentos mais importantes para as nossas vidas.


Quando mantemos a energia da Gratidão em nossas vidas, toda entrega é realizada com o coração transbordando de confiança, alegria e amor.


Isso porque a Gratidão tem o poder de nos auxiliar a focar naquilo que é bom em nossas vidas e no mundo. E quanto mais focamos no que é bom, mais enxergamos coisas boas e, por fim, melhor nos sentimos.


Quando o Universo recebe de nós, através dos nossos pensamentos, dos nossos sentimentos e atitudes, a energia da Gratidão, sua balança se desequilibra.


Uma energia poderosa e amorosa foi recebida. Pela lei da ação e reação, algo tem que ser devolvido para nós.


E, aprendi através de estudos sobre os povos nativos havaianos e a importância da frase "sou grata" nas 4 frases do Ho'oponopono (sinto muito, me perdoe, te amo, sou grata), que essa "devolução" ocorre através de "milagres", "sorte" ou "coincidências". Eu prefiro o nome bênçãos.


Bênçãos que chegam através de um vizinho que nos ajuda em um momento de aperto, de uma mensagem carinhosa de um parente querido, de um elogio e até através de conquistas materiais muito desejadas.

Confesso que fiquei maravilhada diante desse aprendizado, pois ele também explica porque devemos já nos sentir gratas por algo que desejamos e ainda não possuímos.

Quando nos sentimos gratas por aquilo que ainda não recebemos como se já tivéssemos recebido estamos realizando uma entrega ao Universo.


O Universo recebe a energia da gratidão e para equilibrar a balança entre o dar e o receber (lei de ação e reação), nos entrega aquilo pelo qual já nos sentimos gratas por possuir (mas que, na verdade, ainda não possuímos).


Muitas pessoas questionam como podemos nos sentir gratos por algo que ainda não temos. E a resposta é: sinta como se o que você deseja esteja no seu caminho, indo na sua direção. Sinta a energia do seu desejo se aproximando e pare de pensar em todos os impedimentos, todos os bloqueios e todos os MAS. Sinta que o que você busca, também está buscando você (Rumi).


Nem sempre é fácil, pois a gratidão, assim como a fé, é um músculo que precisa ser treinado.


Mas existem várias formas de se fazer isso, e a Andrea, dos Caminhos de Luz, possui um curso e um ebook que falam especificamente sobre Gratidão. Você pode adquiri-los e começar a praticar hoje mesmo!


E compartilho com vocês um exercício de gratidão ensinado por Carlos Magalhães em meu Curso de Ho'oponopono. Você pode assistir ao vídeo, clicando aqui.

E agora, conte para nós: você já pratica a gratidão? Quais as suas práticas diárias? E como você se sente praticando a gratidão?


Vamos compartilhar nossas experiências para que possamos nos conectar com essa energia.


E muita luz, sempre!

Aloha!


70 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo